Instituto Localiza começa com edital de R$ 2,5 mi para projetos sociais

O Instituto Localiza inicia suas atividades em setembro e começa com edital de R$ 2,5 milhões para projetos selecionados.

 

A entidade investirá em iniciativas de cunho social e, como primeira ação, destinará a captação para o auxílio de jovens em situação de vulnerabilidade socioeconômica. As inscrições serão aceitas entre 1º de setembro e 1º de outubro, no site do instituto.

De acordo com Marco Antonio Guimarães, presidente do Instituto Localiza, a novidade funcionará como “catalisador” de para outras organizações. “Nós vamos aumentar a tração e promover projetos de transformação social com aqueles que já fazem isso. A pretensão é agir em prol de novas oportunidades de autonomia e qualidade de vida aos jovens”, explica.

A estruturação da entidade começou em 2020 e o lançamento do edital marca o começo das atividades externas. Além disso, o Instituto Localiza também assumiu parcerias mantidas pela locadora, como a Junior Achievement Minas Gerais (JA Brasil). E a coordenação do processo de apoio da empresa a projetos, por meio do Fundo da Infância e da Adolescência (FIA) e do Fundo do Idoso.

Em 2021, parte dos investimentos via FIA foi direcionada à JA para o projeto “Empreendedorismo Cidadão”. Trabalhando a ética profissional e potencial empreendedor em jovens de 15 a 17 anos.

Ainda por meio da FIA, a organização apoia o projeto Morrobótica do Fa.vela, que trabalha letramento digital e habilidades em robótica e internet de adolescentes em vulnerabilidade entre 14 e 17 anos.

Aos mais velhos, por meio do Fundo do Idoso, a organização chancela o “Perifa 60+”, programa do Fa.vela que trabalha adultos com mais de 60 anos em habilidade digitais, empreendedoras e liderança.

Instituto Localiza: novidades

Em Minas Gerais, o projeto da Fundação de Desenvolvimento Gerencial (FDG), junto à secretaria de Educação de Minas Gerais, será um dos primeiros a receber auxílio. O objetivo é aplicar a metodologia de Gestão Integrada da Educação (GIDE) em mais de mil escolas públicas de ensino fundamental.

O foco do programa é melhorar o processo de ensino-aprendizagem em conjunto com os professores. A transformação se dá em temas como aulas mais atrativas, presença de alunos, participação dos pais no dia-a-dia, entre outros.

Translate »
WhatsApp chat