Brasil deve anunciar acordo automotivo com a Colômbia na próxima semana

Pátio-da-Chevrolet

De Estadão

O governo federal deve anunciar na próxima semana um acordo automotivo fechado com a Colômbia. Os termos consistem na entrada de 12 a 13 mil carros por ano sem imposto de importação, que no país vizinho é de 16%. Com isso, o Brasil deve aliviar o déficit nas exportações.
A Colômbia tem um mercado promissor, sendo o terceiro maior da América do Sul com demanda anual de 300 mil veículos, mas tendo ainda um parque industrial com capacidade para 120 mil carros por ano. O Brasil quer um pedaço desse bolo, que assim seria uma nova porta de saída para escoar a produção não absorvida pelo mercado, que está em crise.
Além da Colômbia, o governo negocia também com o Peru, que também tem um bom mercado e se converteria em mais um destino para os carros brasileiros. O real desvalorizado em relação ao dólar deve dar um impulso adicional nas vendas ao exterior. Espera-se que esse ano apenas 220 mil sejam exportados, um número bem menor em comparação com os 800 mil de 2007 e 2008.
Fonte: Notícias Automotivas

Translate »