Procura por veículos alugados cresce 35% no verão

Depois de toda a agitação das festas de fim de ano, muitas pessoas aproveitam o mês de janeiro para conhecer novos lugares e descansar.
Segundo estudo recente do Ministério do Turismo, 20% das viagens se concentram nos dois primeiros meses do ano. A pesquisa também revela que o automóvel ainda é o meio de transporte mais utilizado, mesmo frente ao crescimento de 70% dos embarques domésticos nos aeroportos brasileiros entre 2007 e 2012.
Reunir a família e pegar a estrada é muito bom, mas o que fazer quando o espaço no carro não é suficiente para todos? Malas que lotam o bagageiro e ainda disputam lugar com os passageiros deixam a viagem estressante e pouco confortável.
Uma alternativa para os que pensam em viajar de ônibus, ou precisam de um automóvel maior, é o aluguel de veículos. “A demanda no início do ano cresce 35%”, afirma Fabio Cazerta, diretor presidente da Alugue Brasil, locadora de carros.
“As pessoas que nos procuram são aquelas que querem fugir das rodoviárias, e as que precisam de um veículo maior para acomodar a família e a bagagem com mais conforto e segurança.
Carros como SpaceFox e Palio Weekend chegam a comportar duas malas a mais que os automóveis pequenos”, completa Cazerta. Para quem precisa de um carro a mais para levar algo ou alguém que ficará no local de destino, uma opção oferecida pela empresa é a retirada do automóvel em uma cidade e a devolução em outra.
Para quem viaja de avião, o aluguel de veículos é uma boa alternativa para se locomover no local de destino. Há locadoras que também oferecem o serviço de motorista, o que facilita a vida de quem não dirige ou quer conhecer os pontos turísticos sem o risco de se perder.
“Muitos preferem os condutores das empresas aos guias das agências de viagens. O aluguel do automóvel sai mais barato em relação ao preço dos passeios, e a pessoa ganha mais autonomia para ir e voltar a hora que preferir”, completa Cazerta.
Da Press Works.

Translate »