Locadoras também são importantes para indústria de pneus

pneu-continental-3

 
As empresas locadoras de automóveis são responsáveis pela compra de praticamente 8% dos veículos novos vendidos no Brasil (os números exatos, referentes ao ano passado, estão em fase de apuração, na ABLA). Porém, desde já e em função dos números apurados até 2012, é possível afirmar que o setor de aluguel de automóveis hoje também já é considerado um dos principais clientes da indústria de pneus no País.
A produção brasileira de pneus cresceu 9,8% no ano passado, chegando à marca recorde de 68,8 milhões de unidades, de acordo com balanço divulgado pela Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos (Anip). O desempenho foi puxado pela produção também recorde da indústria de veículos, além do crescimento das vendas no mercado de reposição.
As entregas a montadoras cresceram 6,3%, para 22,5 milhões de pneus. Já os volumes no canal de reposição tiveram alta de 12,6%, chegando a 37,7 milhões de unidades. O recorde anterior da indústria havia sido registrado em 2010, quando 67,3 milhões de pneus tinham sido produzidos.
No total, as vendas dos fabricantes nacionais de pneus cresceram 6,9% em 2013, atingindo 72,6 milhões de unidades. Na expectativa de crescimento da demanda com as fábricas de carros que vão entrar em operação nos próximos anos, mais de R$ 10 bilhões estão sendo investidos pela indústria brasileira de pneumáticos, num ciclo que começou em 2007 e vai até 2015.
Fontes: Valor Econômico e ABLA

Translate »