Locadoras reforçam frotas para Olimpíada

frota2

As maiores locadoras de veículos do país aumentaram suas frotas e reforçaram as redes de lojas para atender a demanda de férias escolares de meio de ano. O pico sazonal deve ser estendido este ano por causa dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, de 5 a 21 de agosto, dizem executivos, que projetam incremento de até 20% nas locações nesse período, comparado à média diária do ano.
“O movimento que era mais concentrado nas duas últimas semanas de julho passou a ter mais força durante todo o mês de julho nos últimos dois anos por causa do câmbio, que estimulou o turismo doméstico. Agora, com os Jogos no Rio, esse movimento deve ser mais intenso”, disse o diretor de marketing da Localiza, Hebert Vianna.
O Comitê Olímpico estima em cerca de 1 milhão de turistas, sendo quase metade de estrangeiros, o público que vai circular no Rio entre julho e agosto.
A Localiza é fornecedora oficial dos Jogos Olímpicos do Rio. Líder do setor de locação no Brasil, a empresa vai aumentar a frota de carros nas agências do Rio em 25% para atender à demanda. “Também dobramos o tamanho de nossa loja no aeroporto Santos Dumont e ampliamos a do galeão”, disse Vianna, sem revelar quanto gastou.
A Unidas, terceira maior do país, é a parceira oficial da Nissan, a marca oficial dos Jogos Olímpicos entre as montadoras de veículos. “Por conta do acordo com a Nissan, compramos 4 mil carros da marca”, disse o diretor comercial da empresa, Paulo Chequetti, citando os modelos March, Sentra, Versa e o novo SUV, o Kicks. “São carros que serão usados para os Jogos, pelas equipes de produção, jornalistas e outros públicos”, disse o diretor da Unidas.
Em 2015, a Unidas comprou 19,4 mil carros ao longo do ano, mas vendeu 20,5 mil seminovos. Chequetti disse acreditar que a tendência em 2016 será oposta, com mais compras que vendas, por causa da demanda. “Teremos mais estrangeiros no Brasil e maior circulação de turistas, que vão querer carros automáticos”, disse o executivo. “Aumentamos a frota porque estamos esperançosos de que a demanda vai crescer. Já a partir de maio e junho percebemos o crescimento das locações”, afirmou.
Para o executivo, a utilização média dos carros – que foi de 77,3% entre janeiro e março, ante 73% um ano antes – vai subir. Para isso, a Unidas ampliou também a rede de atendimento, com a abertura de 20 lojas, elevando a 220 os pontos de atendimento de locação de carros. “Muitos turistas que virão para os Jogos, especialmente os estrangeiros, vão aproveitar para conhecer outras cidades no [Estado] do Rio, em São Paulo, por exemplo”, disse Chequetti.
A Movida, vice-líder entre as locadoras brasileiras, indicou que o plano de expansão de frota da companhia terá um ajuste sazonal em julho e agosto para remanejar carros e atender mais fortemente o Rio. “Teremos cerca de 4 mil veículos a mais na cidade”, disse o presidente da Movida, Renato Franklin.
Outra empresa de presença em aeroportos brasileiros, a Hertz aumentou a oferta no Rio. A empresa abriu uma nova loja na Barra da Tijuca, ampliando a rede formada por pontos já existentes no Galeão, no Santos Dumont e em Copacabana.
“Ampliamos também a nossa rede de parcerias, que inclui desde companhias aéreas e programas de fidelidade até bancos, empresas de telefonia e outros serviços”, disse a diretora de marketing da Hertz Brasil, Ana Paula Kuba Ide.
Fonte: Valor Econômico

Translate »