Let’s emite R$ 65 milhões em debêntures

Ricardo Pinca Bernasconi

Let’s, companhia especializada em terceirização de frota, iniciou a emissão de R$ 65 milhões em debêntures simples, não conversíveis em ações, com vencimento para 2020. O recurso dará suporte à estratégia de crescimento da empresa para 2015, dos quais 90%  serão empregados na aquisição de novos veículos e 10% para capital de giro. Atualmente, a Let’s tem 6.700 carros em carteira e a expectativa é finalizar 2015 com 7.700 veículos, número que representa um aumento de 15% na frota automotiva.
A companhia, que pertence ao Grupo Morada e tem sede em Araraquara, completa 20 anos em 2015 e é uma das principais empresas de terceirização de frotas do país, fechando 2014 com faturamento previsto de R$ 134 milhões e investimento de R$ 79 milhões. Para 2015, o objetivo é investir R$ 108 milhões na compra de veículos que serão utilizados em novos contratos ou na renovação de contratos já existentes. O faturamento previsto para 2015 é de R$ 150 milhões.
Segundo o diretor-executivo da companhia, Ricardo Pinca Bernasconi, a operação é benéfica principalmente por reduzir o custo financeiro da empresa e propiciar o alongamento da dívida de curto prazo. “Com isso reforçamos o caixa disponível para investimentos em frota, diversificamos as fontes de financiamento em lugar de linhas tradicionais de crédito, como leasing e CDC, além de conseguirmos otimizar os processos operacionais relacionados à compra, venda e documentação de veículos”, destaca o diretor-executivo da Let’s.
Apesar do momento econômico desafiador, Bernasconi acredita que 2015 será um ano de crescimento para a companhia. Ele explica que as empresas com frota própria podem optar por vender seus carros e evitar investir num ativo que não faz parte de seu negócio principal. “Desta forma, a terceirização passa a ser a alternativa mais atraente. Historicamente, a Let’s cresceu em momentos de crise e acreditamos que neste ano não será diferente”, avalia o executivo.
A operação financeira é a segunda desta natureza realizada pela empresa. No final de 2013, a Let’s emitiu debêntures no valor de R$ 100 milhões com um fundo gerido pelo Credit Suisse.

Translate »