Entre Táxi e Uber, vá de carro alugado

Uber-620x400
Para embasar seu argumento, faça uma conta simples de deslocamentos em uma cidade
A quebra de braço entre táxi e Uber parece que não vai terminar tão cedo. Mas as consequências dessa briga já andam a tomar proporções desumanas. São comuns, por exemplo, cenas de taxistas agredindo motoristas e usuários do aplicativo. Em alguns casos, por puro engano, pessoas comuns, proprietários de carros de luxo e de cor preta, sofrem com a ação violenta.
Os taxistas alegam que o aplicativo é uma atividade ilegal e que não gera receita ao Estado, já que não existe regulamentação para o serviço no Brasil. Enquanto isso, representantes da empresa alegam que trata-se de um novo modelo de se locomover capaz de diminuir o trânsito e aumentar o número de empregos. Além disso, o aplicativo possibilita a discussão em torno da livre concorrência. Projetos de Lei tanto para proibi-lo quanto para regulamentá-lo tramitam nas esferas municipais, estaduais e federal do país.
A polêmica desperta uma outra via de locomoção possível: a locação de automóvel. Para isso, a matemática é simples. Se você for fazer mais de dois deslocamentos durante o dia é muito possível que o aluguel de um veículo seja mais barato e você poderá contar com o carro durante 24 horas. Dependendo do deslocamento, um só é suficiente para tornar a locação mais interessante. Por exemplo, no caso de Belo Horizonte, se você desembarcar em Confins, pagará aproximadamente R$ 120 de táxi só para chegar ao centro da cidade. Pelo Uber, o custo será de R$ 108. Alugando um carro, você pagará algo como R$ 88,00, com direito a todas as proteções e ainda quilometragem livre.
Mesmo para quem vive na cidade, as contas comprovam a economia de alugar um carro. Imagine que seja necessário se fazer três deslocamentos ao longo do dia. De casa para o trabalho, do trabalho para um encontro com amigos no final da noite e do encontro para casa. Com a bandeirada de R$ 4,40, mais R$ 2,73 por quilômetro rodado (bandeira 1)*, no caso dos táxis, ou ainda que 25% mais barato, como as pesquisas mostram que o Uber é; ainda assim é muito possível que mesmo simples trajetos gerem gastos maiores que os R$ 88,00 que o aluguel custa.
Assim, é preciso despertar os empresários e colaboradores do setor de locação para essa possibilidade. Basta fazer as contas. Entre Táxi e Uber, vá de carro alugado!
*Valores obtidos por meio do portal www.tarifadetaxi.com.
SOBRE A UBER
É uma empresa multinacional americana de transporte privado, através de um aplicativo que oferece um serviço semelhante ao táxi tradicional, conhecido popularmente como serviços de “carona remunerada”. Cerca de cinco anos após sua fundação a empresa foi avaliada em 18,2 bilhões de dólares, em junho de 2014, contando com investidores como a Google e Goldman Sachs.
Por Leandro Lopes, da Revista SINDLOC-MG.

Translate »