Crédito escasso dificultou renovação da frota das locadoras

Locadoras-e-o-mercado-de-seminovos

Durante o ano 2015 a escassez de crédito provocou aumento da idade média da frota das empresas do setor de locação, média essa que atingiu o patamar de 19,5 meses. Em 2014, a frota das locadoras no Brasil apresentava idade média de 18 meses, conforme pesquisa da Associação Brasileira das Locadoras de Automóveis (Abla), com apoio da Lafis Informação de Valor.
O ideal, para as locadoras, para as montadoras, para as concessionárias e para os clientes é exatamente o caminho inverso: a diminuição da idade média da frota, o que implicaria diretamente em um aumento substancial da quantidade de veículos novos comprados pelo setor. Conforme a Abla, a renovação de frota em tempo menor, entre 12 e 14 meses, por exemplo, já geraria uma arrecadação extra e gigantesca em impostos para o poder público.
Mesmo assim, em porcentagem o setor aumentou sua participação no total de automóveis e comerciais leves licenciados em 2015. Das 2.480.529 unidades licenciadas (fonte Anfavea), 338.840 foram para locadoras de veículos (13,66%), o que ratifica as locadoras como as maiores clientes das montadoras no Brasil. Em 2014, o setor havia sido responsável por absorver 415.007 unidades, equivalentes a 12,45% do total de 3.333.397 automóveis e comerciais leves licenciados naquele ano.
A apresentação deste e de outros resultados do setor de locação de veículos ocorrerá no dia 23 de março (quarta-feira) durante café da manhã – a partir das 9h, no Hotel Bourbon (Avenida Ibirapuera, 2927, Moema) e reunirá os mais importantes dirigentes da indústria automobilística, das instituições financeiras, da cadeia produtiva do turismo nacional e de empresas e entidades parceiras do setor.
A associação também divulgará o faturamento total do setor em 2015, o número de locadoras que atuam no Brasil e a frota circulante disponível para aluguel em cada estado. Revelará o total de impostos pagos pelo setor, os postos de trabalho diretos e indiretos que a atividade ajuda a gerar e o “Market Share” das montadoras nas compras realizadas pelas locadoras.
Fonte: Brasilturis

Translate »