Alta do dólar impulsiona busca por turismo nacional e voos domésticos

Passar as férias no exterior está deixando de ser a primeira opção de muitos brasileiros. Segundo um levantamento realizado pelo Skyscanner, líder global em pesquisa online de passagens aéreas, hospedagem e aluguel de carros, desde o começo de março, quando o dólar chegou na casa dos R$ 3,00, foi possível perceber uma queda de 12% em buscas de passagens aéreas internacionais para os Estados Unidos.
Porém, ao mesmo tempo que houve queda na busca de passagens para destinos internacionais, a procura por voos domésticos aumentou significativamente, cerca de 34% neste último mês, quando comparado ao mesmo período de 2014 (*). Por isso, quem acredita que os brasileiros deixarão de viajar por este motivo está enganado.
Segundo pesquisa (**) encomendada pelo Skyscanner e realizada pelo CONECTAí, braço web do Ibope Inteligência, 72% dos brasileiros planejam viajar mais em 2015 do que viajaram em 2014 e 42% pretende gastar ainda mais do que gastaram nas férias do ano anterior.
Mas esse gasto não será em dólar, pois 71% dos entrevistados estão em busca de destinos nacionais para passar as férias de 2015. Os destinos nacionais mais procurados em março foram São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Fortaleza e Belo Horizonte.
“Essa pesquisa mostra que os brasileiros não vão deixar de viajar por causa da alta da moeda estrangeira, muito pelo contrário. O que acontece é que eles estão mudando as opções de destinos e dando prioridade às viagens nacionais, o que pode ser muito positivo para o turismo brasileiro”, explica Tahiana Rodrigues, gerente de comunicação do Skyscanner.
Planejar sempre
Mesmo para viagens nacionais, o planejamento é muito importante para garantir os melhores preços. Para ajudar nesse momento, o Skyscanner oferece uma ferramenta chamada alerta de preços, que permite que os viajantes recebam, por e-mail ou celular, notificações das variações de valores para que possam monitorar os aumentos e principalmente as reduções de tarifas, e assim, saber o melhor momento de comprar suas passagens.
(*) O levantamento do Skyscanner comparou buscas realizadas entre 5 e 28 de Março de 2014 e 2015.
(**) Pesquisa realizada no painel online CONECTAí, com 1000 participantes em todas as regiões do Brasil, homens e mulheres, a partir de 16 anos de idade.
Do A Tribuna.

Translate »