Sem intervenção de motoristas, Audi A7 Sportback autônomo chega a Las Vegas após rodar 885 km

O test drive de longa distância com o Audi A7 conceito de condução autopilotada concluiu nestaterça-feira (06) sua jornada de 885 quilômetros. Um grupo de jornalistas experimentaram o novo tipo de condução atrás do volante durante a viagem que começou no Vale do Silício, Califórnia, e terminou em Las Vegas, Nevada, a tempo de participar da International CES 2015 (Consumer Electronics Show). O veículo conceito impressionou particularmente pela capacidade de fornecer uma condução confortável no mundo real, em situações de condução cotidiana.
O Audi A7 3.0 Turbo FSI quattro conceito provou sua capacidade de enfrentar o trânsito de forma autônoma, aliviando totalmente o trabalho do motorista. “Os resultados do test drive destacam nossa competência na condução autopilotada”, disse o Prof. Dr. Ulrich Hackenberg, membro do Conselho da Audi e chefe de Desenvolvimento Tecnológico. “Eu gostaria de agradecer a equipe de engenheiros da Audi, a área de Pesquisa e Desenvolvimento do Grupo Volkswagen e o Laboratório de Pesquisa Eletrônica que o tornou um sucesso tão grande”.
O test drive resultou em dados que irão ajudar ainda mais o desenvolvimento da condução autônoma da Audi. Mesmo assim, ele ofereceu a mais longa condução em velocidades de estrada com público atrás do volante. Os jornalistas puderam experimentar o novo tipo de direção em intervalos de 160 km em diversas situações de tráfego nas vias públicas. No total, o teste cerca de 900 quilômetros. Um piloto de testes profissional da Audi, treinado para a atualização do sistema, acompanhou a imprensa no assento do passageiro para garantir ainda mais a segurança.
O veículo concentual utiliza uma combinação de vários sensores, muitos dos quais estão próximos de fase de produção. Os sensores de radar de longo alcance do sistema de controle de velocidade de cruzeiro adaptativo (ACC em inglês) e o Audi Side Assist – sistema de auxílio de mudança de faixa de rolamento – mantém a observação da frente e da traseira do veículo. Dois sensores de radar de médio alcançe na parte frontal e traseira, respectivamente, são direcionados para a direita e para a esquerda, completando assim a visão de 360 graus.
Rastreadores a laser são montadas dentro da grade dianteira “singleframe” e da saia de cobertura do pára-choques traseiro. Esses rastreadores oferecem informações redundantes para um reconhecimento detalhado dos objetos estáticos ou móveis durante a “condução autônoma”. As tecnologias estão prontas para produção, incluindo a sua integração ao veículo e estrutura de custos para a produção destes, em um futuro próximo. Uma nova câmera de vídeo 3D de alta resolução, já integrada nos sistemas da próxima geração dos modelos Q7, registra uma visão grande angular da pista a frente do veículo. Quatro pequenas câmeras frontais e traseiras proporcionam uma visão do entorno mais proximo. Dados de navegação são utilizados para a orientação básica no veículo.
Antes do sistema de “condução autônoma” atingir os limites para os quais foi projetado, em ambientes urbanos, por exemplo, o motorista é solicitado a assumir o controle do veículo para garantir a segurança adequada. Sinais de alerta múltiplos trabalham em uníssono: LEDs coloridos na base do pára-brisa, sinais na tela do sistema de informações para o motorista (computador de bordo central), um Indicador Central de Situação (CSI), bem como um indicador sonoro exigem que o motorista retome o controle. Caso o motorista ignore os sinais, o sistema ativa as luzes de emergência (pisca alerta) e leva o carro a uma parada total, enquanto minimiza quaisquer riscos. Na maioria dos casos, o veículo é parado no acostamento.
A Audi está mostrando este seu “próximo capítulo” de inovações na CES, que começou nesta terça em Las Vegas e vai até o próximo dia 9. As tecnologias de hoje e os projetos de amanhã estão sendo apresentados em uma das mais relevantes feiras de eletrônico do mundo. Um conjunto de tecnologias e duas estréias mundiais, incluindo o interior do novo Q7 e outro modelo conceito irão demonstrar as competências tecnológicas da Audi. O tema principal é o carro conectado ao seu entorno: “condução autonoma”, novas interfaces de usuário e de exibição, informação e entretenimento moderno e novas soluções de conectividade da Audi, bem como tecnologias de iluminação matricial por LED ou laser.
Do Portal Vrum.

Translate »