GM contra-ataca com novos Onix, Prisma, Cruze, S10 e Trailblazer

Atuais líderes de vendas no Brasil, Chevrolet Onix e Prisma devem mostrar seu facelift ainda em 2016 e estrear em 2017; apesar de satisfeita com os índices de vendas de sua família de compactos, a GM não quer perder o fio da meada: Hyundai HB20 e Volkswagen Gol já mudaram; Fiat Mobi e Renault Kwid vêm aí; atualização dos modelos vem para renovar visual, acabamento, equipamentos e possivelmente até a família de motores, conforme mostra o flagra da leitora Elaine Lumi, em São Paulo (SP)Imagem: Elaine Lumi/UOL

A GM não quer ficar parada e se prepara para responder aos recentes lançamentos do mercado. Depois da atualização de VW Gol e Voyage, Hyundai HB20HB20S, entre outros compactos, a marca agora corre para contra-atacar com a atualização de Onix (o carro mais vendido do Brasil na atualidade) e Prisma.
Além disso, a empresa vai responder às renovações do segmento de picapes (Fiat Toro, Toyota Hilux, Renault Duster Oroch e, mais recentemente, Ford Ranger) com um facelift da S10; e ao mercado de SUVs de sete lugares, principalmente após o renascimento do SW4, com um (também) facelift do Trailblazer.
As mudanças não param por aí: a nova geração do Cruze, que terá como maior responsabilidade ser a estrela da marca no Salão de São Paulo, em novembro, promete recolocar a montadora na briga pelo topo da categoria dos médios.

Tudo faz parte do plano global da empresa de renovar toda a linha e produzir 2,5 milhões de unidades no mundo por ano, a partir de 2020. As novidades reservadas para o Brasil já rodam em vários testes pelo país. UOL Carros preparou álbum com os melhores flagras enviados por leitores. Confira para saber mais detalhes.

Nelson Chiaramonte Jr./UOL

Nova geração do Cruze já foi vista rodando com leve camuflagem pelo Brasil

Mas quando?

Segundo fontes ligadas ao fabricante, S10 e Trailblazer iniciam o processo de renovação ainda neste primeiro semestre. Conforme os protótipos revelados no Salão de Bancoc, as alterações devem se concentrar no desenho frontal e no conteúdo de equipamentos. Motor e transmissão devem ser os mesmos.
Em novembro será a vez do Cruze estrelar o Salão de SP e chegar às lojas em seguida, possivelmente na virada do ano, já como linha 2017 — dessa forma, Cruze hatch surgiria apenas nos primeiros meses do ano que vem. A Chevrolet revelou, nesta segunda-feira, que o modelo começa a ser fabricado em maio na planta de Rosário (Argentina).
Onix e Prisma podem demorar um pouco mais e estrear só no começo do ano que vem, principalmente por conta do sucesso que o hatch tem feito no mercado mesmo sem mudanças importantes desde que foi lançado, em 2012. Mas uma aparição do novo visual ainda este ano, no salão — a maior vitrine possível para isso –, não está descartada. A expectativa é de que a dupla de compactos receba um novo motor, menor e mais econômico que o atual 4-cilindros SPE/4, evolução do antigo VHCE.

Nos Estados Unidos o Cruze é equipado com motor 1.4 turbo, de 155 cv e 24,5 kgfm de torque, com injeção direta e start-stopVEJA MAIS > Imagem: Murilo Góes/UOL

Trailblazer brasileiro seguirá linha do conceito tailandês e vai ficar assim: visual mais retilínio e invocado, com faróis afilados, grade larga e auxílio de LEDs; não espere rodas tão grandes e esportivas na versão final, porém Imagem: Divulgação/Chevrolet Thailand
Fonte: UOL Carros
Translate »