Brasil e Argentina querem negociar novo acordo automotivo

acordo

De Estadão

Brasil e Argentina terão até junho de 2014 para fechar um novo acordo automotivo. Os dois países querem reduzir o déficit na balança comercial de autopeças. Os argentinos querem um maior percentual de componentes locais nos carros fabricados aqui e enviados para lá.
O Brasil acumula déficit de US$ 8,45 bilhões no setor de autopeças, sendo 66,6% maior que em 2012. As exportações do setor caíram 5,4%, enquanto as compras no exterior aumentaram 20,6%. Os hermanos dizem que 70% das peças de seus carros são importados e querem rever estes números e reduzir esse volume para 33%.
Atualmente o comércio entre os dois países é livre de acordos e o mercado se autorregulou, mesmo com o acordo do “flex” (para cada dólar importado da Argentina, US$ 1,95 poderiam ser exportados), que hoje está em US$ 1 gasto lá e US$ 1,17 vendido para eles.
Fonte: Notícias Automotivas

Translate »