Blindado usado – dicas para comprar

Um carro blindado usado parece ser uma opção bastante interessante para quem busca proteção no trânsito, mas não possui os recursos necessários, ou ainda, não quer dispender tamanha quantia para realizar a blindagem em um zero quilômetro.

No momento de buscar o seu blindado usado, é importante estar atento aos detalhes tradicionais para um veículo usado, como: condição dos acabamentos internos, apresentação estética do veículo, quilometragem, entre outros. Enfim, devem ser avaliadas as características tradicionais para aquisição de um carro usado convencional.

No que se refere à blindagem, devem ser observadas algumas características específicas, como listamos a seguir.

 

Documentação

– verificar se consta no CRLV – Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo, no campo de observações, a inscrição “blindagem”. Isso garante que o blindado usado está regularizado junto ao órgão de trânsito.

– Conferir a apresentação das Notas Fiscais de Serviços e de Materiais referentes à aplicação da blindagem. As Notas Fiscais, muito provavelmente, serão solicitadas pela sua Companhia de Seguros no momento em que declarar se tratar de um carro blindado.

– Conferir também a apresentação do Termo e Declaração de Blindagem, pois eles serão necessários para eventualmente regularizar o blindado usado, caso não tenha sido regularizado. Mesmo regularizado, é importante manter estes documentos juntamente com as mencionadas Notas Fiscais, como referência e histórico da aplicação da blindagem no veículo.

 

Blindagem

– Inspecionar visualmente todos os vidros do blindado usado para verificar se há qualquer indício de delaminação. A presença de grandes ou pequenas bolhas ou ainda, grandes manchas, podem caracterizar um descolamento entre as lâminas do chamado pacote balístico (vide matéria a respeito) e desta forma indicar a presença da delaminação, o que poderá certamente, gerar alto custo para correção. Cuidado para não confundir pequenas bolhas da película de proteção solar com a delaminação. Bolhas na película podem ser detectadas pressionando-as com os dedos.

– Caso desconheça a procedência do blindado seminovo, é recomendado que se faça uma breve inspeção para se atestar que o veículo está, de fato, blindado. Esta inspeção pode ser realizada em uma empresa especializada em manutenção de blindados. Lembre-se que a blindagem não se resume apenas aos vidros. Há materiais aplicados em praticamente toda a carroceria, que estão cobertos pelos próprios acabamentos do veículo.

 

No mais, após a aquisição do seu seminovo blindado, atente para o funcionamento da tampa traseira para os modelos SUV e HATCH e à velocidade de abertura e fechamento dos vidros dianteiros. A qualquer sinal de mal funcionamento, já providencie o reparo, pois são itens que se desgastam com o uso e podem comprometer a segurança do veículo e dos usuários.

Boa compra do seu próximo seminovo blindado!

Fonte: Portal Blindados

Translate »