Alarme detecta crianças trancadas nos automóveis

crianca-no-carro-300x208

De Jornal do Comercio

Protótipo de equipamento foi criado por estudante da Unicamp 
 

Os casos de crianças esquecidas dentro de carros que ocorreram nos últimos tempos no Brasil, alguns com desfecho trágico, estimularam Victor Angel Bocchi Castellaro, de 24 anos, a buscar uma aliada tecnológica para os pais.

 

Ele criou um sistema de segurança que detecta e avisa o responsável pelo veículo que há uma criança dentro do carro. O estudo foi realizado como Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) na Faculdade de Engenharia Elétrica da PUC-Campinas, e defendido em maio de 2014.

 

São dois sensores. Um deles detecta se há algum adulto no banco da frente do veículo; o outro, identifica o cinto de segurança traseiro e interpreta que há uma criança – o jovem levou em consideração o Código de Trânsito Brasileiro, que determina que menores de 10 anos precisam ser levados no banco de trás e com cinto de segurança.

 

Caso o adulto saia e feche os vidros, o dispositivo começa imediatamente a medir a temperatura interna do veículo – 38°C foi estabelecido pelo no sistema como nível máximo tolerável. Se o carro atingir essa temperatura, o sistema envia uma mensagem para o celular do responsável pelo veículo, avisando-o que há uma criança dentro do carro. Caso dentro de um minuto o adulto não responda ou não volte para o automóvel, as janelas do carro são abertas automaticamente.

 

Castellaro comenta que existem algumas soluções similares no mercado, mas que enviam as mensagens via Wi-Fi. “Preferi um sistema que comunica o motorista por SMS, o que é mais simples, pois não precisa usar a internet”, explica. O jovem desenvolveu um protótipo para apresentar na finalização do seu TCC, e usou o próprio motor que tem na janela do carro para fazer os testes.

 

A expectativa agora é que alguma empresa se interesse pela ideia para que a transformação em um produto comercial se torne realidade. “Com o aumento de casos de crianças esquecidas em veículos, tenho sido procurado para falar deste projeto”, diz.

 

O projeto de conclusão de curso foi premiado como um dos melhores trabalhos do ano de 2014 no curso de Engenharia Elétrica. O estudo teve orientação dos docentes André Luís Peternella e Frank Herman Behrens, e foi realizado entre anos de 2012 e 2014.

 
Fonte: Portal do Trânsito
 
 

Translate »